Estratégia de negócios para pequenas empresas

estrategia-negocios-pequenas-empresas.jpgImpossível falar em quebra de paradigmas e inovação sem pensar em uma estratégia de negócios que supere a concorrência e ajude a construir competências que contribuam para o desenvolvimento da organização e dos profissionais envolvidos.

Negociando riscos

O grande perigo é investir em estratégias arriscadas que envolvem um alto valor. Investir e conseguir implementar mudanças envolve riscos que podem, inclusive, custar a sua imagem no mercado. Por isso, se você não tem certeza de que a mudança trará retorno, ou não tem o aval da diretoria, pense duas vezes antes de realizar tais mudanças.

O sucesso depende sempre de satisfazer as necessidades dos clientes finais e superar a concorrência. Essas são duas considerações importantes.  O maior risco ao qual um gestor pode estar suscetível é cair no ponto cego do inovador.

7 Dicas essenciais

  1. Se for preciso fazer novas parcerias para conseguir implantar a nova estratégia e alcançar o sucesso, analise com calma, mas faça!
  2. O trabalho em conjunto é o melhor caminho para que as engrenagens de uma estratégia funcione.
  3. Expanda o foco da sua equipe e traga seus subordinados para compor e vivenciar dos mesmos objetivos e o fracasso será algo distante.
  4. As expectativas de crescimento têm relação direta com o investimento em tecnologia e ferramentas utilizadas no dia a dia.
  5. Toda empresa ou projeto que consegue traçar um plano para introduzir mudanças produtivas, alcança resultados favoráveis.
  6. Na ausência de conhecimento sobre quais as melhores ferramentas e mudanças a sugerir, busque a opinião de outros setores da organização e sempre alinhe de acordo com os custos e a política corporativa.
  7. Nada de fugir da realidade corporativa que vivencia. Ousadia é essencial, mas manter o pé no chão e trilhar novas estratégias é a base do sucesso.

Estratégia e foco: o caminho para o sucesso

Na busca pela melhoria, falhar é provável, esta é uma das únicas certezas que todos temos. Por isso, um bom gestor deve ter sempre uma carta na manga, um novo plano de ação e um olhar diferente para oferecer. Mas, como é possível transformar isso em realidade?

Ao compreender que é preciso vincular a estratégia às operações, ter foco e alinhar suas equipes, é imprescindível que os gestores monitorem o ambiente competitivo e mantenham diferentes propostas de valor para conseguir o sucesso, tão esperado. Executar e ter foco é uma condição essencial para trazer resultados.

Além do foco, existem outras condições que são consideradas essenciais e complementam qualquer estratégia e plano de ações. A execução é a parte, talvez, mais complicada e importante nesse processo. Por isso, o gestor deve certificar-se para que todos os membros envolvidos com o projeto não tenham dúvidas sobre a estratégia. A comunicação será a ferramenta mais importante para criar os vínculos e esclarecer o caminho.

 

Sobre Vanessa Alonso

Mestranda em Ciências dos Alimentos na UNICAMP, pesquisadora, redatora, webwriter, blogueira, estudante de Marketing e curiosa. Possui experiência em outras áreas: área comercial (prospecção, vendas e liderança de equipe) e administrativa.
Perfil no Google+

DEIXE SUA OPINIÃO

*