Empregadores dão dicas sobre redes sociais

empregadores-dicas-redes-sociais

As redes sociais não parecem limitadas apenas aos amigos… acabaram se tornando uma peça-chave para os empregadores na hora de escolherem um profissional que tenha o perfil da empresa. Analisar o perfil dos candidatos sempre foi uma prática muito comum para gerentes de contratação. São eles os responsáveis por contratar novos profissionais e avaliá-los caso tenham as habilidades exigidas para a vaga disponível. Mas, como saber exatamente o que os empregadores avaliam e quais erros não cometer? A resposta para essa pergunta está na pesquisa realizada pela Harris Interactive para a Career Builder, baseada em entrevistas com 2.303 gerentes de contratação.

Como os gerentes de contratação usam as redes sociais

Se você está procurando emprego, saiba que 12% dos gerentes de contratação avaliam seu perfil nas redes sociais para decidirem se vão ou não efetuar a contração. Além disso, 40% admitiram espiar as redes sociais dos candidatos para ampliar sua visão sobre o profissional. Então, cuidado com as postagens, fotos e comentários feitos por você! E até mesmo com algumas amizades, pois eles também avaliam sua rede de contatos para ficar de olho até nas pessoas com as quais você se relaciona.

Dentre os empregadores entrevistados, 60% disseram usar o Facebook e o Linkedin para fazer essa análise sobre o candidato. E apenas 16% dos gerentes de contratação falaram usar o Twitter. “Como a rede social é uma forma dominante de comunicação hoje, certamente você pode aprender muito sobre uma pessoa visualizando quem ela é quando está online”, disse Rosemary Haefner, vice-presidente de recursos humanos da CareerBuilder.

Dos gerentes de recursos humanos, 34% disseram que não efetuaram a contratação de algum candidato devido a uma desaprovação em algo encontrado nas suas redes sociais. Apenas 29% disseram que as redes sociais foram a causa positiva que colaborou para a contratação do candidato.

Cuidados na utilização das redes sociais

O fator que mais elimina candidatos, segundo os gerentes de contratação, é postar fotos impróprias ou provocativas nas redes sociais. Além disso, os empregadores relatam que outros fatores são: encontrar informações sobre consumo ou uso de drogas, percepção de uma baixa capacidade de comunicação, comentários do candidato denegrindo um empregador anterior, comentários discriminatórios.

Por outro lado, os candidatos conseguem mais facilmente os empregos quando:

1)      Mostram sua personalidade nas redes sociais;

2)      Transmitem uma imagem profissional;

3)      Fornecem informações sobre sua área de atuação;

4)      Mostram uma grande variedade de interesses;

5)      São criativos;

6)      Apresentam habilidades de comunicação.

Para Haefner, os candidatos devem estar conscientes de que os potenciais empregadores podem conhecê-los melhor através das redes sociais. “Se você optar por deixar conteúdo na rede social, adapte a mensagem para obter vantagem. Filtre qualquer coisa que possa manchar sua reputação profissional e deixe links e fotos que te retratem da melhor forma possível”.

Sobre Ana Paula Candil

Jornalista com experiência em reportagem, revisão de texto, revista, agência de notícias, televisão, tradução e comunicação empresarial. Atualmente cursa uma pós-graduação em International Business Management na George Brown College. Já atuou em diversos segmentos do jornalismo contribuindo com conteúdos sobre negócios, tecnologia, comportamento, gastronomia e setor automotivo.

DEIXE SUA OPINIÃO

*