Como definir preços em 5 passos

como-definir-precos-5-passos.jpgO pequeno empreendedor deve saber como definir preços corretamente para conseguir melhorar a competitividade do seu empreendimento e garantir o seu lucro. A formação adequada de preço tem impacto direto na sobrevivência do seu negócio.

Pesquisar concorrentes é fundamental

Definir preços de produtos ou serviços é parte de um processo, no qual é preciso considerar alguns fatores internos e externos para garantir o recebimento do lucro desejado. Quando o preço é inadequado, a empresa terá prejuízos.

Todos os custos e despesas envolvidos com os processos de produção devem ser devidamente registrados antes de definir preços.

Porém, só os fatores financeiros não são suficientes para garantir o lucro da empresa. Durante a formação dos preços, é importante fazer uma pesquisa de mercado para conhecer os valores praticados pelos concorrentes. Essa é a melhor forma de conseguir se manter competitivo no mercado.

A pesquisa deve incluir as diferenças econômicas, financeiras e mercadológicas, entre a sua empresa e a concorrência.

A estrutura operacional e administrativa varia de acordo com a empresa e isso interfere diretamente no preço do produto final. Antes de iniciar tal pesquisa, é preciso ter um conhecimento em relação ao seu mercado de atuação.

Para definir preços, leve em consideração os concorrentes diretos, ou seja, as empresas que atuam no mesmo segmento e que comercializam os mesmos produtos para o mesmo público alvo. A identificação do concorrente é essencial para ter uma pesquisa com dados reais.

Para identificar os seus concorrentes, use reflexões como:

  • Perfil do meu cliente;
  • Tamanho do meu empreendimento;
  • Produtos que comercializa;
  • Localização do empreendimento;
  • Capacidade de atendimento.

As respostas devem ajudar na comparação com outras empresas, identificando seus concorrentes diretos. Após a definição dos concorrentes, é hora de partir para a pesquisa de preço.

A fórmula matemática para definir preços

A pesquisa deve ser realizada baseada em fatores reais, comparando com produtos similares em relação à qualidade e preço.

O uso da “Curva ABC” ajuda na apuração da quantidade de produtos que devem ser pesquisados. Além disso, o cálculo dos gastos e lucros deve ser levado em consideração.

O preço de venda no comércio é definido pela equação:

PV = CMV (unitário) /100% -(%DV + % MC), onde:

PV = Preço de venda.

CMV = Custo de mercadoria vendida.

DV = Total de Despesas Variáveis

MC = Margem de contribuição (unitária)

Veja 5 passos que podem ser seguidos para estabelecer um preço justo e que garanta seu lucro:

  1. Defina o concorrente e o produto a ser pesquisado.
  2. Estabeleça o tamanho da amostragem.
  3. Calcule a margem de contribuição (Diferença entre o total de venda dos produtos e os custos e despesas variáveis).
  4. Analise o ponto de equilíbrio e equilíbrio econômico.
  5. Calcule o lucro desejado.
Sobre Vanessa Alonso

Mestranda em Ciências dos Alimentos na UNICAMP, pesquisadora, redatora, webwriter, blogueira, estudante de Marketing e curiosa. Possui experiência em outras áreas: área comercial (prospecção, vendas e liderança de equipe) e administrativa.
Perfil no Google+

DEIXE SUA OPINIÃO

*